Botafogo-PB: Meia projeta time fazendo dever de casa contra o Náutico

Botafogo-PB: Meia projeta time fazendo dever de casa contra o Náutico

45
0
COMPARTILHAR
Foto: Reprodução / Instagram

Depois de duas vitórias em sequência, o Botafogo-PB, apesar de ainda não depender somente dos próprios resultados para se classificar, voltou a briga por uma vaga na próxima fase da Série C do Campeonato Brasileiro.

Agora ocupando a quinta colocação, com 24 pontos, a mesma pontuação do Imperatriz-MA, quarto colocado, e a três pontos do vice-líder Náutico, próximo adversário e rival direto pelo G-4, o Belo volta a carga justamente ao jogo do sábado (17), que será às 17h, no estádio Almeidão, em João Pessoa.

O meio campista Erivélton, destaque do triunfo sobre o Globo-RN após entrar no segundo tempo e contribuir com uma assistência para o gol de Neilson, o último da vitória por 3 a 0 em Ceará-Mirim, falou sobre as duas vitórias consecutivas da Maravilha do Contorno, mas já pensa na peleja do fim de semana. Além disso, o fato de não tomar gol nessas duas partidas foi ressaltado pelo camisa 26.

– Semana boa. A gente vem de uma boa vitória fora de casa. Vamos trabalhar de olho no Náutico. Temos condições de fazer um grande jogo e conseguir um resultado positivo. Não tomar gols é muito importante. A marcação começa lá da frente. Isso ajuda bastante para que a gente não tome gols. Na frente, tenho certeza que vamos fazer – garantiu.

Quase sempre ficando como opção no banco de reservas, o ex-jogador do ABC-RN é um dos cotados para começar jogando diante do Timbu, caso o treinador Evaristo Piza opte por uma formação mais ofensiva, uma vez que o volante Rogério está fora do jogo pois vai cumprir suspensão pelo terceiro cartão amarelo.

– Desde que cheguei, sempre busco ajudar meus companheiros e trabalhar bem para quando aparecer a oportunidade. Venho fazendo isso com meus companheiros. É manter o foco. Se o professor optar por mim começando ou entrando no jogo, sempre vou dar o melhor para que a gente consiga a vitória – disse.

A diferença de três pontos para o Náutico e a disputa intensa por uma vaga no G4 também foi comentada por Erivélton. Segundo o meia, é fundamental que o time faça o dever de casa no sábado para se manter na briga.

– A gente sabe que está todo mundo próximo do outro, mas temos que fazer nosso papel em casa, que é fundamental para a gente classificar e conseguir esse acesso tão sonhado por todos – afirmou.

 

PB Online

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA