Campinense e América-RN não saem do zero em jogo com briga de...

Campinense e América-RN não saem do zero em jogo com briga de torcidas no Amigão

872
0
COMPARTILHAR

CAMPINENSENa tarde ensolarada deste sábado, 16, o Campinense Clube recebeu amistosamente a equipe do América de Natal, no Estádio O Amigão, dando sequência à preparação para as disputas do Campeonato Paraibano, Copa do Brasil e Copa do Nordeste. A partida terminou com empate sem gols.

Antes da bola rolar, o goleiro Pantera, ídolo da nação raposeira que hoje atua pelo América/RN, recebeu uma faixa, idealizada por um grupo de torcedores através de redes sociais, na qual o arqueiro campeão da Copa do Nordeste defendendo as cores do Campinense foi homenageado e ovacionado pelos torcedores presentes no Amigão. Questionado sobre o carinho recebido, Pantera, visivelmente emocionado, relatou:

– “É inexplicável. Foi uma tarde de muita felicidade. Sempre que venho a essa terra sou recebido com muita alegria e eu sou muito grato por tudo o que o Campinense me proporcionou. Tenho muito respeito e carinho pela instituição, pelo clube, pelo presidente William, a quem gosto muito e sempre me tratou muito bem, torço muito para que o Campinense cresça sempre mais, pois essa torcida e essa cidade merecem. Eu torço muito para que isso aconteça. Foi a primeira vez que joguei contra o Campinense e foi maravilhoso ver a reação das pessoas e receber esse carinho”.

Quanto ao jogo, o técnico Francisco Diá optou pela manutenção da equipe titular que havia iniciado a partida da última quarta-feira, 13, contra o Baraúnas, na qual o Campinense saiu vitorioso por quatro gols a zero. Formaram o onze inicial Glédson, Paulinho, Joécio, Tiago Sala e Danilo, Negretti, Magno, Chapinha, Roger Gaúcho, Jussimar e Rodrigão.

Apesar das muitas investidas do rubro-negro, o jogo mostrou-se bastante truncado. As movimentações dos laterais Paulinho e Danilo mereceram elogio, apesar de não serem criadas chances mais claras de gol. Lá atrás, a ativa participação do volante Negretti, além da segurança do goleiro Glédson, nas poucas vezes em que foi exigido, tiveram maior destaque.

Na segunda etapa, o jogo esfriou. Ainda assim, Rodrigão e Raul não tiveram sorte em suas tentativas, após jogadas criadas por Gil Bala. A polivalência do volante Leandro Sobral novamente chamou atenção.

O próximo compromisso marcado do Campinense acontece no próximo dia 30 de janeiro, no qual a Raposa fará sua estreia no Campeonato Paraibano 2016 medindo forças contra o CSP, no Amigão. A partida está marcada para às 16h.

Após o amistoso de hoje, os atletas foram liberados. As atividades serão retomadas na tarde da próxima segunda-feira, 18, na Toca da Raposa.

Fonte: http://www.campinenseclube.net/

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA