Campinense finalmente se pronuncia sobre luta no “tapetão” e alfineta o Treze

Campinense finalmente se pronuncia sobre luta no “tapetão” e alfineta o Treze

581
0
COMPARTILHAR

Depois de vários capítulos de uma novela judicial que está travando o andamento do Paraibano 2016, o Campinense finalmente resolveu se pronunciar oficialmente.

No início da tarde desta sexta-feira (13), através de suas contas nas redes sociais, a diretoria da Raposa publicou uma nota de esclarecimento para os seus torcedores.

Até então, o presidente William Simões não tinha dado qualquer declarações sobre o caso, e os dirigentes rubro-negros que falaram sobre o caso, não entraram em detalhes.

O Treze acusa o Campinense de não possuir as certidões negativas de débito que passaram a ser exigidas pelo Profut, lei que modificou o Estatuto do Torcedor.

No texto divulgado nesta sexta-feira, a direção rubro-negra também não entra em detalhes. Mas a postagem oficial explica resumidamente os últimos acontecimentos, sustenta que o direito do clube é bom em relação ao imbróglio judicial, e ainda aproveita para alfinetar o Treze, autor dos questionamentos que levou a disputa do campo para os tribunais.

Leia a íntegra da nota do Campinense:

Devido ao imbróglio jurídico que vem retardando a continuidade do Paraibano 2016, o STJD avocou a decisão sobre o julgamento do mérito, podendo dar finalmente um desfecho . A partida que estava marcada para esta sexta-feira 13/05, acabou sendo adiada pela FPF por atendimento ao Superior Tribunal de Justiça, devendo aguardar até o termino do julgamento.

O Campinense aguarda que a FPF marque novas datas para que possamos enfrentar o CSP nas seminais da competição, podendo mais uma vez mostrar o bom futebol das duas equipes que obtiveram competencia para classificação. Mas antes disso, mostrará o bom Direito que lhe assiste, onde já foi demonstrado na ultima quarta feira no TJDPB (sic).

FONTE: Da Redação PB online

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA