Estádio Sílvio Porto em Guarabira pode ficar fora do Estadual.

Estádio Sílvio Porto em Guarabira pode ficar fora do Estadual.

390
0
COMPARTILHAR

O Estádio Sílvio Porto em Guarabira pode não sediar os jogos da Desportiva pelo Campeonato Paraibano/2018, que terá início no dia 7 de janeiro. O problema é que o prazo final dado pela Comissão de Prevenção e Combate à Violência nos estádios da Paraíba para apresentação dos laudos, que comprovam a adequação dos estádios às normas do Estatuto do Torcedor, termina hoje, e as obras do local estão longe de serem concluídas. Os donos da casa estreiam no Estadual no dia 7 de janeiro, contra o Campinense, em seus domínios.

De acordo com um dos membros da Comissão de Vistoria dos Estádios da Paraíba da Polícia Militar, o tenente coronel, Otávio Ferreira, foram solicitados o aumento no alambrado e banco de reservas dos jogadores e arbitragem, além de outro lance de arquibancada para aproximadamente 100 pessoas, já que o estádio tem capacidade para mil. Ele frisou que aguarda a convocação dos responsáveis para avaliar novamente e decidir se o local tem condições para as partidas.

“Estamos aguardando o convite para fazer uma nova vistoria e definir se tem condições. Existe a possibilidade de acontecer jogos de pequeno porte, torcida única ou diminuição do público, mas tudo vai depender do que foi feito”, disse. Pelo lado da Desportiva Guarabira a situação é preocupante, já que a equipe não tem local para fazer a pré-temporada, marcada para começar no dia 4 de dezembro, além de utilizar o estádio para os jogos na competição.

Uma dor de cabeça para o presidente do clube, Domingos Sávio, que não sabe para onde levará o grupo comandado pelo treinador Wassil Mendes, para realizar os treinamentos e principalmente sediar as partidas pelo Estadual. De acordo com o dirigente, a Prefeitura está fazendo melhoramentos no gramado, alambrados e a possibilidade da construção de mais 5 cabines para a imprensa – atualmente tem apenas 4 – e o sonho da construção de outra arquibancada.

Redação

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA