Fernanda e Bárbara levam título da etapa e da temporada em João...

Fernanda e Bárbara levam título da etapa e da temporada em João Pessoa.

70
0
COMPARTILHAR

título geral da temporada 2018/2019 já era delas, e para completar o final de semana perfeito, Fernanda Berti e Bárbara Seixas (RJ) conquistaram também o ouro da etapa de João Pessoa (PB) do Circuito Brasileiro Open. A medalha de ouro na sétima e última etapa do giro veio na noite deste sábado (13.03), com vitória por 2 sets a 1 (21/19, 17/21, 17/19) sobre Talita e Taiana (AL/MS) na arena montada na Praia de Cabo Branco.

A conquista da dupla comandada pelo técnico Ricardo de Freitas foi decidida em uma partida acirrada, marcada por vento intenso e arquibancada lotada. Foi o segundo ouro da dupla em torneios nacionais. O primeiro havia sido conquistado justamente nesta temporada, em Vila Velha (ES). Bárbara comemorou o título e elogiou o desempenho da parceira durante a virada na capital paraibana.

“Estou muito feliz mesmo. Foi um jogo dificílimo, mas a Fernanda está de parabéns, ela foi muito atenta durante a partida, jogou muito. Ela me ajudou como a grande jogadora que é. Acho que este ano de 2019 será muito especial para a gente, pois temos trabalhado muito duro e com certeza estamos semeando para colher bons frutos”.

Fernanda comemorou a conquista, especialmente perto do início da corrida olímpica, através das etapas do Circuito Mundial. Ela também destacou a atuação das adversárias, que valorizaram a conquista, primeira da bloqueadora na capital paraibana.

“Talita e Taiana são um timaço, atletas de muita qualidade e experiência. Os times se conhecem muito no brasileiro, é difícil fazer algo diferente. Tem que jogar sempre da melhor forma, errando o mínimo. Tivemos cabeça para não nos abatermos quando elas estavam na frente, foi uma partida de muitas mudanças de vantagem no placar, mas felizmente tivemos essa calma para conseguir fechar no detalhe”, disse Fernanda, que completou.

“É o final da temporada do Circuito Brasileiro, mas no Circuito Mundial é só o começo, então terminar com uma vitória é muito especial. Nas primeiras etapas da temporada ainda não estávamos 100% fisicamente, tecnicamente, mas sabíamos do objetivo. Agora é o momento em que vamos estar mais próximas do ideal”.

Fernanda Berti e Bárbara Seixas já haviam garantido o título geral da temporada, que soma a pontuação obtida nos sete torneios do giro nacional, ao avançarem à final. Elas encerram os sete torneios com 2.080 pontos somados e cinco medalhas: ouro em Vila Velha (ES) e João Pessoa (PB), prata em Campo Grande (MS) e bronze em Palmas (TO) e Natal (RN).

Na disputa de bronze, Ágatha e Duda (PR/SE) superaram Carolina Solberg/Maria Elisa (RJ) por 2 sets a 0 (21/19, 21/16), subindo ao pódio pela quarta vez na temporada. Ágatha comemorou a medalha e destacou a boa partida e capacidade de reação após tropeço na semifinal.

“As meninas jogaram bem na semifinal, tivemos a chance, mas acabamos não concretizando. E independente de não termos levado o ouro, estou imensamente feliz com esse bronze. Pelo fato de recuperar o foco, ‘virar a chave’. E tínhamos perdido o jogo anterior contra Carol e Maria, na final da etapa de Fortaleza. Sabíamos que seria importante jogar muito bem. Estudamos muito, fizemos um trabalho tático muito bom, para levar essa vitória, sempre fico muito feliz de estar no pódio, independente da cor. Estar no pódio é estar entre os melhores”.

A segunda posição do ranking geral, que soma todas as etapas, ficou com Ágatha/Duda e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), ambas com 1.920 pontos. O ouro rende um prêmio de R$ 45 mil para as campeãs. Todos os times na fase de grupos são premiados e, ao todo, são distribuídos quase R$ 500 mil por etapa.

O Circuito Brasileiro 18/19 teve sete etapas, começando em setembro de 2018 e seguindo até abril deste ano. Na primeira etapa da temporada, disputada em Palmas (TO), Hevaldo/Arthur Lanci (CE/PR) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) ficaram com a medalha de ouro. Já na segunda parada, disputada no mês de outubro, em Vila Velha (ES), títulos para Guto/Saymon (RJ/MS) e Fernanda Berti/Bárbara Seixas (RJ).

Em Campo Grande (MS), em novembro do ano passado, ouro de Pedro Solberg/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Ágatha/Duda (PR/SE). Já em janeiro deste ano, na retomada do tour em São Luís (MA), títulos para Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB) e Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE), e em Fortaleza (CE), ouro para Evandro/Bruno Schmidt (RJ/DF) e Carol Solberg/Maria Elisa (RJ). Na etapa de Natal (RN), título para Ana Patrícia/Rebecca (MG/CE) e Ricardo/Álvaro Filho (BA/PB).

Fonte e Foto: CBV

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA