Jogadores do Auto Esporte cruzaram os braços e não treinaram nesta terça-feira.

Jogadores do Auto Esporte cruzaram os braços e não treinaram nesta terça-feira.

307
0
COMPARTILHAR
Foto: Arquivo TV Torcedor

Os jogadores do Auto Esporte resolveram cruzar os braços mais uma vez. Eles se negaram a entrar em campo, nesta terça-feira á tarde, dia de início dos preparativos para o jogo contra o Internacional, pela última rodada da fase de qualificação do Campeonato Paraibano de 2017.

Esta não é a primeira greve dos jogadores do Auto Esporte, este ano. Em março a diretoria enfrentou um levante e dispensou o zagueiro Moisés e o atacante Wiliam Recife, acusados de motivarem o grupo para a combrança de salários, na época.

Mostrando desapontamento, o treinador Severino Maia resumiu em duas palavras o sentimento “esperar resolver”. O assessor de imprensa do clube, Pedro Paulo afirmou nas mídias sociais “Neste momento estou fora de João Pessoa”.

 

Fonte: Só Esporte

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA